domingo, 13 de março de 2011

Haja estômago!

Terremoto no Japão

Assim que ocorreu o pior terremoto já registrado na história do Japão, um imbecil autodenominado “Homem Sancto Executor da Escória” criou uma comunidade no Orkut chamada “D-us, destrua o Japão”.

Segundo o dono da página, “os japoneses são pagãos que não aceitaram Jesus Cristo”. Mais: “corrompem nossa juventude com seus animes e mangás que promovem o homossexualismo e a prostituição infantil”.

Até 15h20 de domingo, 13/03, a comunidade tinha 39 membros. Pior. Nos fóruns da página, internautas escrevem coisas assim:

→ “Demorou! Já deveria ter avassalado (sic) com tudo faz tempo!”
→ “Que vaze radiação nesses amarelos satanistas”
→ “Eu acho também que a África deveria sumir em baixo do oceano, seria uma limpeza no planeta”
→ “Vamos fazer a campanha. Tsunami na África. Macaco sabe nadar?”
→ “Como pena por serem pagãos, D-us desproveu os varões japoneses de pênis”

Tomei conhecimento dessa comunidade através do blog do Paulo Lopes. Resolvi escrever sobre esse absurdo porque, além de descendente de japoneses, não engulo esse tipo de manifestação porca e covarde. Por que os imbecis, em vez de assinarem como “anônimos”, não mostram a cara?

É triste e lamentável perceber que ainda estamos muito longe de resolver questões como o racismo e a homofobia. E nem sei se algum dia resolveremos. Essa comunidade do Orkut é apenas a parte mais podre da intolerância/ignorância que nos rodeia.

O senador Magno Malta (PR-ES), por exemplo, criticou o Ministério da Saúde por fazer campanhas que supostamente estimulariam a homossexualidade. Note: o cara é senador da República. Na teoria, deveria ser alguém mais esclarecido.

Mas qual a diferença entre Malta, o deputado federal Jair Bolsonaro (PP-RJ) e o tal “Homem Sancto Executor da Escória”? Nenhuma. 

Quem defende a surra para evitar que os filhos sejam gays, como fez Bolsonaro, e é contra os direitos dos homossexuais, como Malta, pode muito bem achar que japoneses e africanos merecem morrer afogados por ondas gigantes apenas por serem de outra raça.

Haja estômago para suportar tanta fraqueza de espírito!

9 comentários:

  1. É um absurdo tudo isso. Não tenho mais Orkut, pois acho inútil o que postam lá. Vi as fotos do Japão e, realmente, fiquei bem chateada. Mas tenho fé de que eles conseguirão se reconstruir. Preconceito é impossível de se dissolver nessa sociedade de merda. O jeito é ficar longe de gente cretina.

    Boa sorte e fique bem, Marcos :)

    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  2. Marcos... Só assim mesmo:

    http://www.youtube.com/watch?v=t-sZGKZZHN8

    ResponderExcluir
  3. Decididamento vivemos em um mundinho porco, cheio de hipocresias. Muitos nem imaginam que a Africa, foi o início de toda existência humana e que utilizamos de toda inteligêcia dita (amarela), em nosso cotidiano. Gostaria que estes seres, que se julgam sei lá o que, tivessem um pouco mais de esclarecimento sobre o mundo em que vivem. Parabéns Marcos, não devemos nos calar diante idiotices como esta.

    ResponderExcluir
  4. A pessoa que se denomina Homem Sancto, é dona de várias Comunidades preconceituosas e discriminatórias na Rede Social Orkut, abaixo a relação de algumas delas.
    D-us, destrua o Japão
    http://www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=112250948
    Piadas de pretos
    http://www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=106502497
    Lugar de pre*o é no presidio
    http://www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=110813087
    Negras pelo direito de abortar
    http://www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=110986415
    Bomba atomica na africa.
    http://www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=111418049

    Os fanáticos religiosos estão todos interligados, inclusive invadiram outra comunidade dedicada ao apoio aos portadores de Síndrome de Down de propriedade do ator Alexandre Barillari cujo link é:
    http://www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=85254641

    É desumano o que esses fanáticos religiosos fazem, fato que todos podem comprovar, inúmeras denúncias feitas ao site de relacionamentos não levam a nada. E eles continuam se achando acima de tudo e de todos, se dizem acima das leis brasileiras. Algo precisa e, deve ser feito para que parem com esses crimes Racistas, preconceituosos e discriminatórios das mais diversas formas, existem vários outros perfis interligados aos mencionados nessa matéria.

    ResponderExcluir
  5. Este que se denomina "Homem Sancto" faz parte de um grupo neonazista e cujo nome verdadeiro é Ministro Cláudio, pr. da Igreja Trombetas de Maceió.

    ResponderExcluir
  6. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk eu ri

    ResponderExcluir
  7. Cuidado. Quem ri de tudo é desespero.

    ResponderExcluir
  8. Esses caras foram além disso, já estão até ameaçando pessoas: http://prod.midiaindependente.org/pt/red/2011/10/498614.shtml

    ResponderExcluir
  9. É um erro comparar os deputados ao maldito homem sancto. Eu também sou contra algumas coisas homossexuais, como o kit gay nas escolas por exemplo, não gosto deles, mas isso não me faz odiar ninguém, é apenas opinião, vamos respeitar também quem não gosta mas também não faz mal.

    Em relação ao homem sancto, fiquem tranquilos e atentos a noticias. A caçada começou. Eles serão severamente punidoos. Herança do maldito Wellington de realengo. 2 já foram devidamente punidos. O restante será ttambém.

    ResponderExcluir