sexta-feira, 1 de abril de 2011

A curiosidade mata!

Rafael Nadal de toalha

Clique na imagem acima para vê-la ampliada e responda com absoluta sinceridade: você não queria estar ali, entre o público, para ver o Rafael Nadal de frente?

A curiosidade, como disse Eça de Queirós, é instinto de complexidade infinita, “leva, por um lado, a escutar atrás da porta e, por outro, a descobrir a América”.

A foto de Hans Deryk, da Reuters, é sacana e, ao mesmo tempo, genial, por aguçar a curiosidade do observador. Afinal, o que o Nadal mostrou para a plateia?

Eu queria saber. Você não?

5 comentários:

  1. Juro por tudo que não tenho a menor curiosidade de saber.

    ResponderExcluir
  2. Sinceramente, eu queria :$
    Hahahaha!

    =*****

    ResponderExcluir
  3. nesse caso eu seria bem empirista, queria saber com todos os meus sentidos! rsrsrs

    ResponderExcluir
  4. O que a gente vê na foto é a mulherada comendo o Nadal com os olhos e pelo jeito elas estavam gostando do que estavam vendo...

    ResponderExcluir
  5. De verdade a vontade de ver era tanta que até mesmo vim aqui no território dos comentários a fim de saber se alguém mais astuto tinha um link com a imagem vista, digamos, de um outro ângulo.

    ResponderExcluir