sexta-feira, 15 de julho de 2011

O drama de Sueli

Rodrigo Andrade e Louise Cardoso em "Insensato Coração"

Em “Insensato Coração”, Eduardo (Rodrigo Andrade) revelou para a mãe, Sueli (Louise Cardoso), que é gay, e que está namorando Hugo (Marcos Damigo).

Vale lembrar que Sueli é dona de um quiosque frequentado por homossexuais e que sempre os tratou com naturalidade.

Pois bem. A liberal e simpatizante Sueli engasgou. Reagiu da pior maneira possível à inesperada revelação de Eduardo, mostrando que aceita, entende e respeita os gays, desde que o gay em questão não seja o seu filho. E quantas mães não agem assim, hein?

Por se tratar de uma novela, com mensagem positiva e edificante em relação aos homossexuais, Sueli deve repensar sua homofobia e, no final, apoiar Eduardo. Mas o seu drama faz a gente refletir e redobrar o cuidado com pessoas muito simpáticas à causa LGBTT. Muitas vezes, é do lugar que a gente menos espera que vem o safanão.

Por isso, se eu pudesse escolher o meu inimigo entre o imbecil do Jair Bolsonaro e o homofóbico disfarçado de bonzinho, escolheria o primeiro. Pelo menos, no caso do deputado jumento, eu sei muito bem com quem estou lidando.

Foda é conviver com quem lhe estende a mão, enquanto lhe amaldiçoa pelas costas. Desses covardes dissimulados, a gente não tem como se defender.

6 comentários:

  1. De fato, muita gente finge ser compreensiva e politicamente correta, pra evitar ser taxada de preconceituosa.
    Não assisto à novela, mas, pelo que foi escrito, a cena é um bom exemplo para a situação que você retratou :)
    Abraços, Marcos!

    ResponderExcluir
  2. Cheguei no blog via TT e este é o primeiro texto que leio. Parabéns, mais uma fã aqui!

    ah sim, já convivi com um covarde dissimulado. Por experiência própria, milhões de vezes melhor é uma coisa tipo Bolsonaro... sem dúvidas

    parabéns pelo texto!

    ResponderExcluir
  3. Olá, Coca-Cola Quente...
    seja bem-vinda ao Idiota Feliz!

    ResponderExcluir
  4. MArcos
    As mães costumam dizer que não querem que os filhos sejam homossexuais porque eles sofreriam com a discriminação e nenhuma mãe quer ver o filho sofrer.
    O que vc acha desse clássico materno?

    ResponderExcluir
  5. Claudia, acho essa lógica meio furada, desculpa para camuflar o preconceito. Sofrer faz parte, independentemente de a pessoa ser gay ou não.

    ResponderExcluir
  6. as pessoas tem direito de nao concordar com o homossexualismo!
    vc nao deveria chamar o jair d jumento.... se vc quer respeito tem q respeitar!
    o mesmo direito q vc tem de gostar de fumar, eu tbm tenho direito de nao gostar!

    ResponderExcluir