sexta-feira, 6 de abril de 2012

felipa tavares e a plateia imbecil do "Programa do Jô"

 a modelo Felipa Tavares

formada, em sua maioria, por universitários, a plateia do “Programa do Jô” é a mais imbecil da TV brasileira.

na quinta (05/04), a modelo transexual Felipa Tavares esteve no programa, e o apresentador foi obrigado a repreender a sua plateia, pedindo para os imbecis pararem com o deboche.

sim, a plateia do Jô debochou da modelo durante boa parte da entrevista, como se Felipa fosse um ser humano menor, uma “aberração”, alguém que não merecia ser ouvida nem levada a sério.

foi estarrecedor perceber, mais uma vez, como o brasileiro médio é tosco, abobalhado, preconceituoso e grosseiro.

brasileiro médio é aquele que tem algum poder aquisitivo, frequenta faculdade, deve ter internet e TV de LCD em casa e comer cupcakes de vez em quando.

não é – ou não deveria ser – um bocó. Afinal, tem acesso à informação.

mas ao acompanhar a reação cretina dessa gentalha à entrevista da modelo, percebi com clareza que ter acesso à informação não significa necessariamente adquirir instrução, consciência, noção de cidadania.

em determinado momento da entrevista, Jô mostrou fotos de Felipa no quartel, vestida de soldado, na época em que ainda era Felipe. O rapaz serviu o Exército durante um ano. Enquanto as fotos eram apresentadas no telão, a plateia ria sem motivo algum para rir

eram risadas de deboche, vindas de uma gente sem noção, sem educação, que gosta de apontar seu dedo sujo para os outros, mas é incapaz de enxergar a própria mediocridade.

4 comentários:

  1. Assisti à entrevista, e concordo de forma plena com o texto. Aliás, minha sensação diante da entrevista foi exatamente a mesma. Era um bando de abobalhados sem cultura, buscando aprovação alheia por meio dos ataques e querendo aparecer. Não gosto muito das entrevistas do Jô, mas ele agiu corretamente ao repreender a própria plateia.

    ResponderExcluir
  2. Também assisti e fiquei irritado e indignado. Não sei se a plateia do Jô é a mais imbecil, mas com certeza boa parte dos que estavam presentes nesse dia é. Absurdo.

    ResponderExcluir
  3. informação não é conhecimento, e conhecimento não é sabedoria...

    ResponderExcluir
  4. ahh vá, achei q foi um mega protesto, q quase bateram nela...

    ResponderExcluir