terça-feira, 19 de março de 2013

Te amo agora


Desculpa,
não te amo mais que tudo,
não te amo com todo o meu coração,
não te amo incondicionalmente,
não te amo mais que a mim mesmo,
não te amo a ponto de morrer por você,
não te amo para sempre.

Te amo agora.

Te amo o suficiente
para dizer “te amo”
sem você ter que me pedir.

Um comentário: